“Il bambino è il maestro”

Criança só dá trabalho depois de aprender a falar e começar a andar, isso é fato conhecido de todos. Antes disso é só comer, dormir, sujar as fraldas e chorar com dor de barriga porque o adulto desleixado esqueceu de fazê-la arrotar depois da mamada.

Quando domina a fala deita a fazer perguntas capciosas, deixando os adultos com as calças na mão. As engraçadas/espirituosas são recolhidas e publicadas em colunas e crônicas na mídia. As inconvenientes/embaraçosas são prontamente reprimidas, perdendo os adultos chance preciosa de refletir sobre o que estão fazendo da vida.

Creio que as crianças trazem em seu DNA aquelas qualidades que costumamos associar ao ser humano, donde se originam os conceitos de humanismo, humanitário, e afins. Em vez de usar isso para evoluir, procuramos sufocar o novo, moldando-as ao mundo desumano e cruel que temos construído.

No Brasil de hoje isso fica cada dia mais evidente e perverso. Seremos capazes de reverter esse absurdo, colocando a criança no centro das atenções e sabendo aprender a mensagem clara de renovação e esperança que ela nos trás? Esperemos que sim.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s